Bacalhau à Brás, com o pé na Espanha

Páscoa é época de colocar em prática as milhares formas de trabalhar com um dos ingredientes mais versáteis: o bacalhau. “Um peixe que não é peixe, é processo”, segundo o amigo de um amigo de Méier, um dos bairros mais tradicionais do Rio de Janeiro. E vem de um bairro muito tradicional de Lisboa, o Bairro Alto, uma das receitas mais deliciosas de bacalhau que já foi criada, o Bacalhau à Brás. 
Como todas as receitas portuguesas, o bacalhau à brás é simples e complexo ao mesmo tempo. A quantidade de dedicação que você põe na receita é proporcional ao sabor final. Em nossa receita, fizemos umas modificações que não alteram muito o sabor final, mas que deixaram nosso à Brás com um pé na Espanha.
cb9a6-bacalhauacc80bracc81s
Rendimento da Porção
04 Putos
Ingredientes
700g de Bacalhau Demolhado, Cozido e Desfiado
150ml de Azeite
03 Folhas de Louro
3 Galhos de Tomilho
06 Ovos Caipiras Grandes Locais
03 Cebolas Grandes
08 Dentes de Alho
1/2 Maço de Salsinha
01 Colher de Chá de Páprica Defumada
01 Colher de Chá de Páprica Picante
300g de Grão de Bico em Conserva
150g de Azeitonas da sua pereferência
400g de Batata Palha Extra-Fina
Modo de Preparo
Coloque o Azeite em uma panela em fogo baixo com as folhas de louro e o tomilho. Aqueça até 120ºC, desligue o fogo e deixe em infusão por meia hora. Descarte as ervas.
Corte as Cebolas em Julienne e refogue-as no azeite temperado até ficarem transparentes. Adicione o alho e deixe dourar.
Acrescente o Bacalhau já desfiado e refogue junto à cebola e o alho.
Lave o Grão de Bico com água morna e refogue-o junto com os demais ingredientes.
Acrescente metade da batata palha e a Salsinha picada aos ingredientes e incorpore bem.
Com um fouet, bata os ovos com as pápricas, junte sal e pimenta à gosto.
*Cuidado com o sal, por conta das batatas palha que geralmente já vêm salgadas.
Faça um buraco no centro do refogado. Acrescente os ovos, mexa-os com uma colher e incorpore bastante aos demais ingredientes. Cubra com o restante da batata palha e misture bem. Deixe cozinhar até que vire um enformado.
Decore com azeitonas, pimentas, um pouco de salsinha batida e sirva. Ele pode ser feito em uma paellera.
Bom apetite.
Para harmonizar, B Fachada e um Mateus Rosé… 🙂